Sustentabilidade   |   11/10/2018   |   44 visualizações

“Compre, compre e compre!”. A famosa frase de Ciro Bottini, vendedor oficial do canal TV Shoptime, ilustra bem a realidade atual de nosso planeta. Há uma necessidade quase surreal em adquirir bens, mesmo que estes objetos sejam inúteis e prejudiciais.

Com todo esse consumo o sofrimento acaba assolando a todos: pessoas, animais e ao meio ambiente. O que fazer para contornar essa ideia perversa de consumo e fazer escolhas mais ecológicas em seu dia a dia?

O consumo consciente é uma das saídas para frear o consumismo e gerar consumidores mais responsáveis. Veja neste post do que trata este estilo de vida e conheça algumas dicas simples para colocá-lo em prática hoje mesmo.

O que é consumo consciente?

Você já parou para pensar no número de coisas que consumimos todos os dias? E não estou falando apenas de roupas, automóveis e objetos em geral. Nós, seres humanos, temos um alto índice de consumo e alguns desses materiais nem são renováveis.

Você já se perguntou qual o impacto de todo esse consumo? O que ele pode causar na natureza, nos animais e até mesmo em nossa saúde? Para onde vão as mercadorias depois que você as joga fora?

Responder essas perguntas é o início do consumo consciente, ou seja, tomar ciência de como as nossas escolhas afetam as pessoas a nossa volta. O próximo passo é selecionar as opções que causem o menor dano possível ao meio ambiente.

Em seguida vem a responsabilidade sobre aquilo que consumimos. Em outras palavras, o consumo não termina com o fim do produto ou de sua utilização, mas continua até que ele seja descartado, reciclado ou retornado à fábrica.

É uma cadeia simples, que não exige medidas mirabolantes para ser colocada em prática. Infelizmente poucas pessoas fazem isso hoje em dia e os resultados desse descaso são visíveis: rios e mares poluídos, ruas alagadas por causa de esgotos entupidos, Mata Atlântica desmatada para abrir pastos para a agricultura, animais explorados e sacrificados sem nenhum motivo e etc.

Se queremos evitar esses problemas, precisamos ter mais consciência na hora de consumir qualquer produto ou recurso natural. É necessária atenção para não desperdiçar o que temos e muito menos afetar as gerações futuras.

Dicas para ser um consumidor consciente em seu dia a dia
O que é o consumo consciente e como aplicá-lo em seu dia a dia?

Como vimos, não é preciso muito para se tornar um consumidor consciente. Pequenas ações e medidas podem fazer uma grande diferença no impacto que causamos a nossa volta, a partir do momento que decidimos comprar ou consumir algo.

Para ajudar nessa empreitada e incorporar um estilo de vida mais saudável e consciente em sua rotina, veja algumas dicas:

Reduza o seu consumo

A primeira coisa a fazer é reduzir o seu consumo o máximo possível. Quanto mais consumo, maior o impacto dele nas pessoas, animais e plantas. Portanto, é essencial reduzir o seu consumo para comprar apenas aquilo de que você precisa.

Os povos antigos e nossos antepassados levavam essa premissa muito a sério e a aprendiam desde pequenos. Eles apenas retiravam da natureza aquilo de que realmente precisavam para sobreviver.

Com o passar dos anos isso mudou e hoje consumimos coisas que nem sequer precisamos ou que até fazem mal à nossa saúde. Pergunte-se, antes de comprar, se realmente precisa disso e se vale causar todos esses danos com sua compra. Só depois passe o cartão!

Pesquise sobre a procedência dos produtos

Nunca foi tão fácil ter acesso a informação tal como nos dias de hoje. Uma pesquisa rápida no Google pode trazer informações de qualquer produto, fabricante ou loja. É só ter um pouco de dedicação e paciência para encontrar o que você precisa.

Antes de consumir qualquer coisa, que tal pesquisar a procedência dessa mercadoria? Saiba de tudo que envolve a produção do objeto, como as pessoas são tratadas nesse processo, se há exploração animal ou não, entre outros fatores.

Isso é consumo consciente e você se sentirá muito melhor a partir do momento que perceber que suas escolhas são ecológicas e sustentáveis.

Escolha bons fabricantes e lojas

Pesquisa feita, agora é só optar pelos fabricantes e lojas que também são conscientes. Sabe aquela frase de mãe que diz “Diga-me com quem andas, que te direi quem és”? Isso também se aplica ao consumo consciente.

Não adianta se autodenominar um consumidor consciente se você compra de empresas irresponsáveis e não ecológicas. Mesmo que você não esteja poluindo o planeta com suas próprias mãos, o seu dinheiro está financiando essa prática o que dá no mesmo, não é?

Então dedique-se a escolher os fornecedores que também sejam conscientes e tenham uma mentalidade sustentável. Fuja das armadilhas e golpes de marketing de marcas que dizem ser “ecológicas”, mas na verdade não o são.

Reutilize sempre que possível

Outra dica importante para aplicar o consumo consciente em sua rotina é reutilizar. Será que você realmente precisa de uma roupa nova, ou dá para reciclar aquela calça que deixou de servir e transforma-la em um shorts?

Use a sua criatividade e procure reaproveitar as mercadorias, objetos e alimentos. Diminua a quantidade de resíduos que você gera em casa com essa atitude e também economize dinheiro.

Praticamente tudo pode ser aproveitado e na era do “Faça você mesmo!” é ainda mais fácil criar coisas ousadas e ecológicas. Incorpore esse hábito em seu dia a dia e veja os resultados.

Separe o seu lixo
O que é o consumo consciente e como aplicá-lo em seu dia a dia?

Por último, mas não menos importante, separe o seu lixo. O descarte correto dos materiais também faz parte de um consumo consciente. Afinal de contas, não adianta escolher um sofá feito com madeira de reflorestamento, por exemplo, mais depois jogá-lo em um terreno baldio ou córrego.

Seja congruente com suas ações e cuide de seu consumo do início ao fim. Verifique se a empresa escolhida tem algum projeto de engenharia reversa e informe-se sobre qual a melhor forma de descartar cada resíduo. O planeta e as pessoas agradecem essa atitude!

Gostou dessas dicas sobre como incorporar o consumo consciente em sua rotina? Está pronto para aplicar cada uma dessas medidas no seu dia a dia? Aproveite e compartilhe este post em suas redes sociais e engaje mais pessoas nesse estilo de vida sustentável.

#useorganico

Comentários

Bitnami