Saúde   |   27/03/2018   |   2.62 Mil visualizações

O sonho de toda mãe é criar um vínculo íntimo com seu bebê e deixá-lo o mais confortável possível. Ver nossos pequeninos doentes e estressados é de cortar o coração, não é mesmo?

Mas algumas práticas milenares ajudam a tornar essa rotina mais fácil e proveitosa para todos. É o que acontece com a Shantala, uma massagem indiana que traz muitos benefícios para o recém-nascido e para a mamãe também.

Veja neste post tudo o que você precisa saber sobre a Shantala e seus benefícios. Aprenda também como fazê-la do jeito certo e acalmar o bebê mais rapidamente. Confira!

O que é Shantala?

A Shantala é uma técnica de massagem descoberta nos anos 70 na Índia, pelo médico francês Frederick Leboyer. Em sua visita ao país, Leboyer observou uma mãe aplicando essa massagem em seu bebê e ficou muito curioso em relação à prática.

Ao se aprofundar no assunto, o médico descobriu que se tratava de uma tradição no local e era passada de mãe para filha por muitos anos. Leboyer ficou impressionado com os benefícios dessa massagem, especialmente com a conexão que era criada entre a criança e sua mãe.

Quando retornou ao seu país, o médico dedicou-se a conhecer mais a técnica e até escreveu livros sobre o assunto. Para batizar a técnica que acabara de conhecer, ele utilizou o nome da mulher que conheceu na Índia e o apresentou a massagem: Shantala.

A partir daí essa massagem ficou muito comum entre as novas mães e hoje é muito utilizada em diversos países, culturas e até como tratamento de doenças.

Quais os benefícios da massagem para o bebê?

Shantala: Veja 5 dicas para acalmar o seu bebê!

Foto: freepik.com

A Shantala segue o mesmo princípio que qualquer outra massagem terapêutica, usando de pontos espalhados pelo corpo para ativar benefícios no organismo. E vale ressaltar que os benefícios são muitos para quem começa a adotar essa massagem no dia a dia do bebê.

O consenso de pesquisadores é que a massagem indiana combate a insônia, melhora a qualidade do sono, evita a incidência de cólicas e deixa a criança mais tranquila. Outros estudos também sugerem que a prática melhora o relacionamento entre mãe e filho.

Também é comum ouvir estudos afirmando que a Shantala ajuda a criança a criar vínculos com outras pessoas durante o seu crescimento. Por esse motivo, é uma prática muito recomendada para diminuir os efeitos do autismo, timidez excessiva e outros distúrbios.

Além das vantagens para o corpo do bebê, a massagem também ajuda a criança a se desenvolver e tomar conhecimento de seu corpo. Um auxílio muito útil para acelerar o desenvolvimento do recém-nascido e evitar problemas futuros.

Como fazer a Shantala em seu bebê?

Há diversas opções dessa massagem para aplicar em seu bebê. Todas elas se resumem a massagear o corpo da criança em diversas áreas, de forma lenta e gradativa.

Para começar a massagem, deite o bebê de costas em um colchão. É extremamente necessário que a criança esteja muito confortável, antes de começar com os movimentos.

Em seguida, use de um óleo de massagem natural para umedecer suas mãos e evitar o atrito com a pele do bebê. Na sequência, comece a massagear o tronco expandindo os movimentos para os membros, pescoço, rosto e etc.

Lembrando que os movimentos precisam ser suaves e repetidos, pelo menos, 10 vezes em cada massagem. Deste modo, você promove o relaxamento da criança e também uma conexão com ela durante a prática.

5 Dicas para acalmar seu bebê com essa massagem

Shantala: Veja 5 dicas para acalmar o seu bebê!

Foto: freepik.com

Como qualquer prática terapêutica, a Shantala exige uma série de cuidados para trazer os benefícios. Não basta fazer qualquer massagem e a qualquer hora. Você precisa utilizar dos movimentos corretos e garantir que a prática seja proveitosa para seu bebê e para si mesma.

Por isso, veja algumas dicas úteis para acalmar seu bebê com essa massagem diária e alcançar todas as vantagens dessa prática. Confira!

1. Acalme o bebê

A massagem deve ser sinônimo de alegria, carinho e prazer para o bebê. Sendo assim, ela só deve ser feita quando a criança estiver bem acomodada e tranquila. Evite recorrer à prática quando o recém-nascido estiver doente também.

Ao fazer os movimentos em momentos errados, a criança pode ficar mais irritada e não gostar da massagem. Fatores que sabotam os resultados promovidos por essa terapia milenar.

2. Use óleo de massagem

A pele dos bebês é muito sensível e fraca, especialmente nos primeiros meses de vida. Logo, é preciso evitar o excesso de atrito durante a massagem para não causar sérios danos a ela.

Sendo assim, use de um óleo de massagem para deixar os movimentos mais fáceis e confortáveis. Dê preferência por uma opção 100% natural e orgânica, para manter seu pequenino longe de químicos perigosos.

3. Não force a barra

O processo de massagem precisa ser confortável para a criança, por isso, não force a barra. Caso o bebê não esteja no clima da massagem, deixe para fazê-la mais tarde.

Para as mamães de primeira viagem, que vão adotar a massagem pela primeira vez, faça isso aos poucos. Comece por fazer alguns movimentos durante o banho, na troca de fraldas e em outros momentos diários.

Quando perceber que o bebê responde bem aos estímulos e gosta da massagem, aí incorpore um horário exclusivo à prática.

4. Evite fazer no verão

Em dias muito quentes, geralmente estamos desconfortáveis e com os bebês não é diferente. Eles precisam de espaço para resfriar o corpo e aliviar a sensação de calor.

Então, evite fazer a massagem em dias muito quentes para não causar o efeito contrário na criança, combinado?

5. Faça a massagem diariamente

Para conseguir melhores efeitos e garantir os benefícios da Shantala de maneira constante, faça a prática diariamente. Procure massagear a criança sempre no mesmo horário, de modo a criar uma consistência.

Assim o bebê se acostuma com os movimentos, tornando esse momento ainda mais mágico para a mamãe e seu filho.

Pronta para adotar essa prática saudável no dia a dia do seu bebê? Deixe suas dúvidas e comentários abaixo.

#useorganico

Comentários

Não tóxico

Não testado
em animais

Livre de
parabenos

Vegano

Gluten-Free