Saúde   |   16/09/2020   |   0 visualizações

“Quantas gotas posso tomar por dia?” “Posso beber óleo essencial?” “Esse óleo pode ser ingerido?” “Quais os benefícios de beber óleo essencial?”

Essas são algumas das suas dúvidas que você tem a respeito de Óleos Essenciais? Se sim, o assunto de hoje é para você: Ingestão de Óleos Essenciais.

Antes de tudo precisamos ficar atentos quanto a popularização dos Óleos Essenciais que, como todo outro produto, quanto mais popular fica, mais marcas surgem ofertando. O primeiro passo enquanto consumidor é ficar atento as novas marcas que vem surgindo e pesquisar a fundo antes de consumir o produto.

O QUE SÃO OS ÓLEOS ESSÊNCIAS?

São substâncias vegetais voláteis, extremamente concentradas e que possuem uma complexidade de componentes químicos. Podem ser extraídos de flores, frutos, sementes, folhas, raízes e outras partes das plantas por diferentes métodos de extração.

Por sua complexidade de componentes químicos, podem auxiliar em tratamentos como equilíbrio da saúde mental e físico.

Apesar de estarem cada dia mais populares, existem registros da utilização dos OEs durante a praga do século XIV, mas hoje, com a popularização quase que todos os dias aparece uma nova marca ofertando o produto.

ÓLEOS ESSENCIAIS É TRATAMENTO?

Os OEs fazem parte da AROMATERAPIA que é:

— FITOTERAPIA: a técnica que estuda os benefícios das plantas e vegetais como auxílio para prevenção e tratamento de doenças;
— TERAPIA HOLÍSTICA: tratamento médico baseado na teoria de que os organismos vivos e o meio ambiente funcionam juntos como um todo integrado.

COMO SABER QUE A MARCA DE OE É DE CONFIANÇA?

Desde o surgimento da Use Orgânico existe uma preocupação na transparência com o consumidor e por este motivo, apesar das marcas às vezes chegarem com certificados, existe um processo interno de curadoria que analisa não só a marca, como os produtos um por um, analisando, por exemplo, sua composição.

Para saber se a marca é confiável é necessário pesquisar profundamente sobre ela e os produtos! Apesar de toda curadoria feita por nós, ainda assim, disponibilizamos na página de cada um dos produtos em nosso site, todos os detalhes do produto, como certificações e composição.

AUTOMEDICAÇÃO

Quantos de nós já não tomamos um remédio sem prescrição médica?

E é aí que está o grande problema! Apesar dos infinitos artigos e posts em redes sociais com prescrição de “tomar 3 gotas ao dia de óleo essencial” é necessário ficarmos atentos!

Assim como um tratamento médico, o uso dos óleos essenciais devem ser feitos de modo consciente, moderado e acompanhado de um profissional Aromaterapeuta! E a ingestão dos OEs — que quase nunca é recomendado pelos profissionais — podem causar danos irreparáveis.

A Use Orgânico NÃO RECOMENDA A INGESTÃO de óleos essenciais, isso porque são substâncias extremamente concentradas e com uma infinita complexidade química. Nós acreditamos que existam dois modos de uso ideais para o uso de OE: difusor de ambiente e diluição do em um veículo carreador, como óleo vegetal, para contato direto e externo com a pele.

Se pegar o óleo essencial de Hortelã, por exemplo, são necessários 60 kg de matéria-prima para produzir 1 litro de óleo essencial. Agora se compararmos com um chá — desses que a gente consome no dia a dia — 1 gota de óleo essencial equivale aproximadamente a 24 xícaras de chá! Agora imagina se você ingerir 1 gota por dia?!

Lembre-se: tudo em exagero faz mal!

Pense verde,
@useorganico

Comentários

This error message is only visible to WordPress admins

Error: No posts found.

Make sure this account has posts available on instagram.com.

This error message is only visible to WordPress admins

Error: No posts found.

Make sure this account has posts available on instagram.com.

This error message is only visible to WordPress admins

Error: No posts found.

Make sure this account has posts available on instagram.com.